Copa Legends 2021

(Pedro Pereira/Sandro Trindade)

A MRD Motorsport irá dar continuidade ao trabalho iniciado o ano passado com o piloto Pedro Pereira e Sandro Trindade

Conforme palavras do piloto, “este ano a aposta passará pela participação nos primeiros dois ralis (Montelongo e Alto Tâmega) tentando assegurar posteriormente a participação nas restantes três provas do calendário e assim tentarmos lutar pelo título de grupo N”

Para a MRD é uma motivação trabalhar com estes jovens pilotos, cheios de vontade de conquistar o seu lugar no panorama automobilistico, é sempre uma jprnada fantástica de desenvolvimento pessoal para ambas as partes.

Rali Terras D`Aboboreira  30 a 31/10/2020

(Fábio Paço/Pedro Moura)

A elevada dureza das classificativas fez com que o nosso leãozinho não resistisse na Pec 4.

Fica a experiência no rali Terras D’Aboboreira, na esperança de ultrapassarmos esta pandemia o mais rápido possível para podermos todos voltar aos ralis em segurança.

Parabéns ao Automovel Clube de Amarante pela excelente organização e rigor no plano de segurança. Obrigado a todos os nossos patrocinadores e amigos por nos terem ajudado mais uma vez numa altura tão complicada.

 

 

Rali Fafe Montelongo  02 a 04/10/2020

(Pedro Pereira/ Sandro Trindade)

Um Rali que veio a ser aquilo que se previa, bastante difícil derivado às condições climatéricas que se apresentaram, com troços fantásticos mas a requerer muita atenção devido à constante mudança de Grip ‼

O nosso objetivo para esta prova passava por lutar pela melhor posição na nossa Classe, na Divisão 3 do Desafio Khumo e nos Peugeot 106 que se apresentaram em maior número nesta Prova organizada pela Demoporto. Na primeira classificativa que realizámos( a única em piso seco), notámos que o carro falhava em alta rotação, algo que só conseguimos solucionar na Assistência graças à nossa Equipa MRD Motorsport.

Com os problemas resolvidos, partimos para a segunda secção do Rali com o objetivo de manter a nossa posição, quando os Irmãos Cunha, que até então apresentavam um ritmo fortíssimo, foram forçados a abandonar a prova, fazendo com que nós subíssemos um lugar na classificação. No último troço, com condições muito difíceis, sabíamos que tínhamos de atacar para não perder o 1º lugar nos 106 e 2º no Desafio Khumo Div.3 e assim o fizemos, vencendo o troço na nossa classe e fazendo o 10º tempo à geral no CNR